sexta-feira, 24 de julho de 2009

Quer andar de carro velho, amor. Que venha!

Ontem, 22h30, 5 graus na rua, vento. Estava eu voltando da academia, na frente do Shopping Iguatemi, fazendo o retorno para ir para casa, quando de repente o câmbio do chumbinho (meu carro) se soltou todo. Nunca tinha visto coisa igual, não conseguia engatar marcha alguma, muito menos acelerar. O carro foi parando devagarzinho e o desespero aumentando...

Liguei para o seguro e pedi urgência, mas o guincho poderia demorar até 40 minutos para chegar. E eu ali, em plena av. Nilo Peçanha, atrapalhando horrores o trânsito, sozinha, com fome, com frio e com medo. Mas uma coisa eu não deixei, o desespero tomar conta. Comecei a ficar calminha, me tranquei no carro, fiquei com o cinto de segurança e liguei para o meu pai ir esperar comigo, pois o Digo está em Beto Gonçalves.

Os carros iam dando sinal de luz, grudando na minha cola, buzinando. E eu não podia fazer nada. Liguei o som e comecei a pensar em alguma coisa positiva daquilo tudo, a primeira delas foi: tenho um post bem legal para o blog amanhã! Hahaha
A segunda delas foi saber que ainda existem pessoas muito legais no mundo. Um casal parou para me ajudar, naquele frio o menino saiu do carro e veio perguntar se precisava de alguma ajuda e me disse que era perigoso eu ficar ali. Agradeci.

Dez minutos depois o guincho chegou e meu pai também. E foi mais uma bandinha de guincho para levar o carro para a casa do meu pai. Isso que dá ter carro velho!

4 comentários:

Rodrigo disse...

Pois é!

Mas não fala carro velho, e sim "um relacionamento de longa data".

hahaha


um abração, e que bom que podemos contar com pessoas legais, estranhos que nos oferecem ajuda!

Thalita Medeiros disse...

é, andar a pé é bem pior 8D

Tassiana disse...

Jesussss...só isso faltava acontecer! Tadinha!!! Tem razão guria, nessas horas sempre aparecem "anjos da guarda". Eu também sempre fui abençoada com esse tipo de ajuda, ou apoio moral.

ReD disse...

Mas o principal de tudo : Conseguiu um post novo^^